Parlamento dos Jovens em 2020

O projeto do Parlamento dos Jovens mais uma vez decorreu na nossa escola com a participação a que os nossos alunos já nos habituaram. 

C​om um tema que está mais do que nunca na ordem do tempo, Violência Doméstica e no Namoro - da sensibilização à ação (3ºCiclo) e Violência Doméstica e no Namoro - Como garantir o respeito e a igualdade? (Secundário), a escola teve em muitos anos uma verdadeira campanha e uma grande motivação por parte dos intervenientes para criar debates, jogos, diálogos, palestras sobre a temática. 
Contámos com a presença de duas deputadas: a Dr.ª Mariana Silva (PEV) e a Dr.ª Catarina Marcelino (PS), que em animados colóquios / debates refletiram sobre os valores da igualdade, da democracia e justiça.
Entre os dias 9 de dezembro e 15/19 de janeiro, decorreu uma motivadora campanha eleitoral e nos dias 20 e 21 de janeiro, as Sessões Escolares no ensino básico e secundário, respetivamente. 
Quer na escola sede, quer no Polo do secundário, os alunos manifestaram uma verdadeira atitude cívica, ao colaborar, participar e votar nas listas que este ano foram em maior número. 
Sem dúvida deverão ser congratulados os alunos que criaram as listas (cinco no 3º ciclo e uma no Secundário), por terem evidenciado um grande sentido de responsabilidade e de cooperação, na abordagem a um tema tão sensível e de tão grande seriedade. 
Houve propostas de recomendação deveras muito interessantes que levaremos, nos dias 16 e 17 de março, às Sessões Distritais.
Um grande elogio deve ser feito aos alunos das listas que tão bem se organizaram no dia das eleições para que todos os alunos da comunidade educativa tivessem oportunidade de votar, orientando os colegas para espaço da votação e criando um clima de verdadeira cooperação e entreajuda. 
A coordenadora do projeto, agradece a colaboração, o incentivo e a disponibilidade de todos os professores que se envolveram no projeto. Um agradecimento especial a todos os alunos das listas participantes, pela verdadeira lição de cidadania que deram e pela forma como encarnaram os valores da igualdade, da democracia e justiça! 
A coordenadora do projeto Parlamento dos Jovem.